Como iniciar no Kitesurf: dicas e macetes

Planar sobre as águas e praticar manobras radicais ou somente apreciar aquela sensação de liberdade na infinidade do mar azulado inserido realmente na natureza, isto é emoção quando se pratica Kitesurf.

Criado em 1985 pelos irmãos de origem francesa chamados Bruno e Dominique Legaignoux, o esporte ficou famoso somente 10 anos depois e gradativamente vem ganhando cada vez mais adeptos e simpatizantes nas praias, lagos e rios do Brasil.

A verdade é que é um esporte que pode ser praticado de modo igualitário, pois só há precisão de equipamentos, vento e água, que inclusive não precisam ser necessariamente no mar.

O que significa Kitesurf?

A tradução ao pé da letra significa surf com pipa, visto que é a junção do surf que já tem inserido e usado no idioma português e a palavra kite que significa pipa.

Imagem de um atleta fazendo o kitesurf na praia em um por do sol lindo

Resumidamente, o kitesurf consiste em um tipo de pipa que pode ser elaborada de diversos materiais. Além disso, ela é ligada por meio do trapézio ao corpo do usuário, que flutua por cima das águas com o auxílio da pipa, equilibrada em uma prancha pequena.

Veja também: Pipa o paraíso brasileiro no Rio Grande do Norte

Curiosidade das origens do Kitesurf

Os irmãos franceses foram de fato visionários, porém a navegação com pipa já era praticada há um certo tempo, mas não como forma de lazer, e sim, como um método de facilitar o transporte por meio da ajuda da força dos ventos.

Além disso, impulsionou a carroça e, inclusive, atravessou o canal da Mancha como o inglês George Peacock em meados de 1800.

Como de costume foi em 1998, no Hawai que o esporte recebeu prestígio ainda maior por meio de Robby Naish, conhecido por ser campeão mundial de windsurf, que gostou do esporte, vencendo o campeonato naquele mesmo ano. Após dois anos, um circuito mundial foi montado e o esporte tornou-se bastante conhecido.

Como o kitesurf se tornou tão conhecido?

Okitesurf cada vez mais segue ganhando adeptos em solo brasileiro. A sensação de liberdade é possibilitada pelo esporte que junta água e o vento, fazendo com que os praticantes usem por horas deslizando por cima dos rios e mares.

Para praticar o kitesurf não é exigido um treino amplo nem mar com ondas ou ventos muito fortes. Ainda assim, ela proporciona a prática de manobras de windsurf, surf e wakeboard.

Além do mais, pessoas de diversas idades podem executar o esporte, tanto como adolescentes, quanto idosos, por justamente ser um esporte de pouco impacto.

Essa entrada costuma dizer que é uma sensação incrível de bem-estar, para sentir adrenalina em certas manobras. Ou seja, este é o esporte ideal para entrar em contato com a natureza.

A popularidade do esporte foi tão grande que é possível encontrar camisetas Kitesurf por aí, que fazem bastante sucesso em diversas marcas no mercado.

O que é necessário saber para começar a praticar o esporte?

O oposto de alguns outros esportes aquáticos, para começar a praticar o kitesurf, você precisa ter um conhecimento antecipado de outro esporte aquático. Isso porque os praticantes de outras modalidades conseguiram desenvolver com mais facilidade a operação. Mas isso pode ser resolvido com algumas aulas básicas.

É necessário compreender que como qualquer esporte ele envolve perigos, por esta causa, o treinamento com equipamento de qualidade são assuntos fundamentais.

Imagem mostra uma praia com várias pessoas praticando kitesurf  com pipas coloridas

Será necessário realizar alguns exercícios no solo com instrutor capacitado e aplicar alguma quantia para compra de equipamentos. É válido ressaltar que durante as aulas, comumente o seu instrutor não será exigido, que de certa forma facilite a entrada no esporte. Caso desperte interesse pratique as aulas e veja se o esporte combina com seu estilo de vida.

Como é o método de aprendizado do kitesurf?

O método de aprendizagem do kitesurf é fácil, pessoas que não possuem experiência com esportes aquáticos ou vento iriam conseguir ter um resultado depois de um acúmulo de, por volta, 10 horas de aulas.

Quem pratica esportes como windsurf, surf e wakeboard, frequentemente, podem estar capacitados somente em um dia de aula a depender do acompanhamento.

É válido ressaltar que o principal ponto é buscar experiência e capacitação para começar no kitesurf. Apenas um profissional poderá te dar informações e seguranças subconscientes para planejar sobre as águas. A escolha de quando as aulas irão terminar e de quando você estará apto para se divertir sozinho, vai depender do diálogo com seu instrutor.

Conclusão

No solo você irá aprender como ter segurança de iniciar e também como se mover no kitesurf.

Após acabar as etapas é o momento de ir para agora aprender a executar o body dragging, que é o método de mover seu corpo pela água sem a prancha com o auxílio do kit. Comando do kite e o restante também lhe passando, assim como os ajustes para manter-se em estabilidade.

Depois de acumular esse conhecimento de controle de início e recuperação você começará a andar de pé na prancha e, então, executará o kitesurf corretamente.

Deixe uma resposta